Pages

LENÇÓIS MARANHENSES



Considerado um dos destinos mais bonitos do país, os Lençóis Maranhenses combinam quilômetros e quilômetros de dunas branquinhas pontilhadas por lagoas de água doce, ora azuis, ora verdes. A porta de entrada para o paraíso, protegido pelo status de Parque Nacional, é o município de Barreirinhas. De lá, é dada a largada para a exploração do cenário, que fica ainda mais exuberante entre os meses de junho e setembro, quando as lagoas estão completamente cheias.
Para conhecer os principais cartões-postais dos Lençóis - e outros recantos pouco conhecidos -, é fundamental o apoio das agências de turismo. Para entrar na reserva, por exemplo, é necessário acompanhamento de um guia credenciado.

Já para circular pela região, repleta de trilhas de areia e rios, somente em veículos com tração nas quatro rodas ou de barco. Estas são as únicas maneiras de se chegar às lagoas Azul, uma imensa piscina que faz jus ao nome; e Bonita, que exige a escalada de uma duna de 40 metros de altura. Todos os sacrifícios, porém, são recompensados pelos banhos refrescantes, pelas paisagens únicas e pelo pôr do sol em meios aos montes de areia.

Também são os jipes e barcos que levam aos povoados vizinhos, com atrações menos exploradas. Em Santo Amaro do Maranhão fica a maior lagoa da região, a da Gaivota. Já Atins é o acesso mais fácil para a praia de Lençóis, com 70 quilômetros de extensão e completamente deserta.

O QUE VER E FAZER EM LENÇÓIS MARANHENSES

Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses


O cenário paradisíaco do parque espalha-se por uma área de 155 mil hectares, abrigando dunas que chegam a 40 metros de altura, lagoas de águas transparentes com nuances que vão do azul turquesa ao verde escuro, praia desertas e aves migratórias. A principal porta de acesso para a reserva é Barreirinhas, de onde partem os passeios de jipe e as caminhadas que levam às atrações, como as lagoas Bonita e Azul. Dentro do parque, as estradas e as trilhas são de areia e sem sinalização, sendo obrigatório o tráfego em veículos 4x4 e a contratação de guias credenciados (inclusive para os percursos a pé). É recomendável levar água e comidas leves para os passeios, uma vez que não há infra-estrutura de apoio na área protegida pelo parque.




Ir de jipe até as lagoas Bonita e Azul

Apesar de estarem relativamente na mesma direção, cada lagoa exige um dia exclusivo de passeio e muita disposição para caminhar em meio às dunas. Para chegar à lagoa Bonita, é preciso subir um monte de areia de 40 metros - há cordas de auxílio ao longo do percurso para ninguém desanimar. Já a lagoa Azul, que faz jus ao nome e é uma das mais concorridas da região, tem acesso menos complicado. Por ali, vale a pena esperar o cair da tarde para assistir o pôr do sol de camarote. Entre os meses de abril e junho surgem diversas outras lagoas no entorno de Bonita e Azul, incrementando o visual.

Paraíso de dunas, águas cristalinas e céu azul.


Passear de barco pelo Rio Preguiças

O passeio dura o dia inteiro e segue margeando mangues, buritizais e igarapés. O roteiro inclui paradas nas dunas e lagoas dos Pequenos Lençóis; no farol de Mandacaru - com vista panorâmica -; e em Caburé, para almoço. A viagem prossegue até Atins, foz do rio Preguiças. O tour se encerra com o pôr-do-sol visto da embarcação.

Embarcações rústicas cruzam o rio no fim da tarde


Praia de Lençóis

Com quase 70 quilômetros de extensão, a praia de Lençóis é praticamente deserta. A melhor maneira de chegar até lá é a partir da vila de Atins, a uma hora de barco de Barreirinhas.

Águas Cristalinas e Refrescantes Garantem um Bom Banho


Voar de monomotor

A melhor maneira de visualizar toda a imensidão dos Lençóis é através de um vôo panorâmico. Os passeios duram meia hora e sobrevoam o parque até o litoral, retornando sobre o rio Preguiças.

Apreciadas de cima, dunas e lagoas formam um mosaico único


Visitar Santo Amaro do Maranhão

Entrada alternativa para os Lençóis Maranhenses, a vila encravada nas dunas abriga a lagoa da Gaivota, uma das maiores da região, de água azul-turquesa e cercada por montes de areia fininha. A profundidade chega a 2,5 metros e o convite ao banho é irresistível. Santo Amaro fica a quase 100 quilômetros de Barreirinhas, sendo que metade do caminho é de trilhas arenosas. Para chegar lá, somente em veículos 4x4. Agências da cidade oferecem passeios de um dia.

Um passeio com muita emoção


Farol Preguiças

Vale a pena encarar os 160 degraus que levam ao topo do farol, a 35 metros de altura. Lá em cima, a vista panorâmica descortina o rio, o mar e os Lençóis. Erguido em 1940 no povoado de Mandacaru, o farol fica a uma hora de viagem pelo rio Preguiças.

Vista do Alto do Farol de Mandacarú


GASTRONOMIA

Os frutos do mar imperam nos cardápios dos restaurantes ao redor dos Lençóis Maranhenses. Os camarões, sempre fresquíssimos e que ganham a companhia de molhos de frutas típicas, são os destaques - entretanto, muitas vezes têm a atenção dividida com a paisagem que emoldura os estabelecimentos, formada por dunas, mar aberto, lagoas...

Camarão da Luzia

Cozinha: Peixes e Frutos do Mar
Bom para ir: com a família, com os amigos
Preços: $$$$
Endereço: Canto do Atins, s/n

Camarão da Luzia A grelha


RESTAURANTE DO CARLÃO

Cozinha: Peixes e Frutos do Mar
Bom para ir: com a família, com os amigos
Preços: $$$$
Endereço: R Coronel Godinho, s/n








1 comentários:

Patrycia Cunha disse...

Olá.. adorei seu blog e estou seguindo!
Venha conhecer meu cantinho, se gostar siga tb... :)
beijos

Blog | Fun Page | Instagram

Postar um comentário